Notícias

28 mar 2016

Saiba como reduzir a conta de luz em tempos de reajustes

 

Painel Solar

Diante dos reajustes assustadores nas faturas de energia elétrica do ano passado, qualquer redução de custo vale ouro. E as alternativas para economizar eletricidade vão muito além dos simples atos de retirar eletrodomésticos das tomadas ou de apagar as luzes. Medidas de eficiência energética, como trocar lâmpadas convencionais por LED, ou a instalação de painéis fotovoltaicos nos telhados, podem reduzir a conta em mais de 50% ou até mesmo fazer com que os consumidores obtenham crédito com as concessionárias.

Dados da Associação Brasileira das Empresas de Serviços de Conservação de Energia (Abesco) apontam que o Brasil desperdiça, aproximadamente, 53 terawatts-hora por ano. Este montante representa perda anual de R$ 22 bilhões, o equivalente a 60% de toda energia produzida por Itaipu por ano ou, ainda, todo o consumo de Pernambuco e Rio de Janeiro em 12 meses. Existe, portanto, espaço para uma economia de 10% no consumo geral de energia do país, sendo 15% no residencial, 6,2% no industrial, 11% no comercial e 10% em outros setores.

Várias empresas e órgãos públicos aproveitam o espaço possível de economia e estão trocando lâmpadas convencionais por LED. Felipe Martins, especialista em eficiência energética e sócio-diretor da LedLuxe, explica que, dependendo do modelo das lâmpadas e do projeto, é possível reduzir em até 50% a conta de luz. “Atendemos vários órgãos públicos e 12 mil escolas com iluminação sustentável. Há economia também na manutenção, porque as lâmpadas de LED têm durabilidade de até 10 anos”, explica. Além disso, é possível jogá-las no lixo comum, porque não têm mercúrio, cádio e chumbo, presentes nas fluorescentes, que geram custo extra no descarte.

A troca propicia ainda, em ambientes residenciais, economia com o uso de reatores, já que o sistema de LED não usa esses aparelhos, que custam, cada um, R$ 50, e têm cinco anos de duração. A lâmpada fluorescente tubular, de R$ 2,50, necessita ser trocada a cada dois anos. As de LED são mais caras, mas compensam pela qualidade. “A substituição garante a mesma luminosidade, com baixo consumo e maior durabilidade”, explica Martins, responsável pelo projeto no Tribunal de Justiça do Distrito Federal e  dos Territórios (TJDFT).

Texto integral disponível em: Correio Braziliense-Saiba como reduzir a conta de luz em tempos de reajustes.

02 mar 2016

5 Celebridades que se preocupam com o meio-ambiente.

 

academy-awards-leonardo-dicaptro-wins-best-actor-for-revenant

No último domingo, durante o recebimento de um dos prêmios mais aguardados da indústria cinematográfica, Leonardo DiCaprio realizou discurso em defesa ao meio ambiente, reforçando os efeitos das mudanças climáticas. Mas DiCaprio não foi a única celebridade que tocou no assunto nos últimos tempos. Veja na lista a seguir 5 celebridades que tentam fazer a diferença para o planeta.

1.George Clooney

goerge-clooney-prius-www-blog-cargurus-com_1456833298

Clooney tem feito sua parte para o meio ambiente. George Clooney detonou envolvidos na divulgação de relatórios que desassociam as mudanças climáticas com ação humana. Ele afirmou que negar as mudanças climáticas com seres humanos é ridículo. Clooney citou que “se você tem 99% de médicos que dizem “você está doente” e 1% que diz estar bem, você provavelmente vai estar do lado dos 99%. Entende o que eu digo? Ignorar que estamos envolvidos nas mudanças climáticas é ridículo”.

Clooney também está envolvido no projeto “Oil Change”, que é uma campanha para eliminar a dependência da importação de petróleo nos Estados Unidos. Uma curiosidade é que Clooney abandou sua “limo” por um carro elétrico econômico.

2. Brad Pitt

1079x599xpitt png pagespeed ic ljxu9oselv_1456833878

Brad é amplamente reconhecido pelo seu ativismo social, junto a sua esposa Angelina Jolie. Brad Pitt em particular tem trabalhado em direção a conservação ambiental e casas sustentáveis. Em 2007, Brad Pitt fundou o projeto “The Make it Right Foundation” (A Fundação Faça Certo), oferecendo casas com valores acessíveis e sustentáveis ao redor do mundo. Pitt também apoia que o conceito de habitação verde seja um modelo nacional para habitação. Ele ganhou um prêmio do U.S. Green Building Council (Conselho de Habitação Verde dos Estados Unidos) pelo seu conceito de habitação

3. Matt Damon

121225082541-iyw-matt-damon-story-top_1456834231

Já há alguns anos, Matt Damon tem trabalhado pela causa da água potável. Damon criou a “H2O Africa”, uma ação de caridade que provê água limpa para comunidades Africanas.  E não apenas isso, Damon criou o website water.org contendo informação de como obter acesso a água limpa em todos os continentes.

4. Cate Blanchett

Cate_Blanchett_20112

Como diretora artística da Companhia Teatral de Sidney, Blanchett estimulou a instalação de painéis solares no Teatro “The Warf” em 2010. Ela é também responsável pela instalação de um dos maiores sistemas de coleção de água pluvial no teatro. Em 2011, Blanchett apoiou um plano de carbono que limitasse a emissão de gases de efeito estufa. O plano foi utilizado em um Anuncio de Serviço Público sobre o assunto. De acordo com o portal de notícias da Microsoft, MSN, a atriz/diretora vive em uma residência verde completamente independente da rede elétrica.

5: Leonardo DiCaprio

1_1456833265

Durante o recebimento do tão aguardado Oscar, DiCaprio foi além de um discurso clichê e apontou os problemas das mudanças climáticas. No discurso DiCaprio fala:

“(…) o (filme) regresso  é sobre a relação do homem com o mundo natural. Um mundo que coletivamente sentimos no ano de 2015 como o ano mais quente de todos os registros históricos. A produção do filme precisou locomover-se para a extremidade sul deste planeta para encontrar neve. As mudanças climáticas são reais e já estão acontecendo. É a ameaça mais urgente à toda nossa espécie, precisamos trabalhar coletivamente e parar de procrastinar. Precisamos apoiar lideres ao redor do mundo que não representem os grandes poluidores, mas que falem por toda a humanidade, pelos povos indígenas, pelos bilhões e bilhões de desprivilegiados que são os mais afetados pelas mudanças climáticas. Pelos filhos de nossos filhos, por todos aqueles cujas vozes foram caladas por políticos gananciosos…”.

Está não é a primeira ação que o ator toma. O ator já está associado a causa há anos.  Além de possui sua própria fundação que trabalha em função das mudanças climática e da vida selvagem, DiCaprio também ajudou a angariar fundos para os afetados pelos terremotos no Haiti. A ONU nomeou DiCaprio como o Mensageiro de Paz com foco nos assuntos de mudanças climáticas.

 Referências:

Bustle: Transcrição do Discurso de Leonardo DiCaprio no Oscar

One Green Planet

India Times;

Fobes.

29 jan 2016

Quali-A Participa do programa Meio Ambiente por Inteiro

 

 

No último mês a Quali-A, representada pela diretora Juliana Andrade, realizou entrevista para o programa Meio Ambiente Por Inteiro, exibido na TV Justiça. A entrevista teve foco nos benefícios de mercado das construções sustentáveis.

Assista agora ao primeiro bloco do programa através do player incorporado ou clique aqui para acessar o Canal Meio Ambiente e conferir o programa na integra.

26 jan 2016

Entenda melhor a COP21

25 jan 2016

Relatório da IEA reforça importância da eficiência energética para metas da COP21

25 jan 2016

Ano de 2015 bate recorde de alta temperatura

25 jan 2016

Mais plástico que peixes nos oceanos

22 jan 2016

Capacidade eólica brasileira registra grande crescimento em 2015

18 jan 2016

Software monitora desempenho de equipamentos em edifícios promovendo economia

15 jan 2016

Tecnologia Inovadora poderá tornar lâmpadas incandescentes mais eficientes que LEDs